De Bar em Bar: Wusrteria – a tradição dos bares alemães se renova na Tijuca

O Schnitzel Mit Kartoffelsalat: PF alemão com salada de batata e cwikla (conserva de beterraba) – Foto de Bruno Agostini

 

Foram os bares alemães que apresentaram ao carioca o chope, o bife à milanesa e as salsichas. Monumentos da etílico-gastronomia do Rio, lugares como o Bar Brasil (1907) e o Bar Luiz (1887) já passaram dos 100 anos de vida.

A tradição se renova em um lugar tão miúdo quanto sensacional: Wusrteria,  inaugurado em 2016. Este bar tijucano tem mesinhas na calçada e um clima de boteco, mas a comida é cheia de referências, de quem pesquisou bem o assunto antes de abrir a casa. A seriedade do lugar se mostra na qualidade das linguiças e salsichas de produção própria, das melhores que encontramos por aí. Fazem o picles. Agora estão fazendo rollmops. Tem sempre novidade. Os caras fazem sabe o que? Nugget de porco. Durma com essa.

Hotdog Copenhagen: imperdível – Foto de Bruno Agostini

São três variações de embutidos no pão. Não me lembro de ter provado no Rio um cachorro quente melhor do que o Hotdog Copenhagen, com salsicha frankfurter, remoulade, picles e cebola frita.

Além dela o menu lista a Tijuana,  linguiça calabresa, pico de galo, maionese de sriracha e queijos cheddar e monterey derretidos. Parece bom. Já a Nova York tem uma pegada alemã: salsicha frankfurter, chucrute e mostarda. E só. Basta, né?

Este é o o Jägerschnitzel – Reprodução do Facebook da Wusrteria

Destaque do menu é o Jägerschnitzel , um lombo suíno empanado, fatiado com molho de cogumelos e bacon.

No almoço esse naco de lombo suíno à milanesa vira PF, com salada de batata e cwikla (conserva de beterraba). Sou um caçador de milanesas, e só posso dizer que esse entrou para minha lista de preferidos. Piada interna: Jäger, em alemão, é caçador.

Na mesma linhagem vai o schnitzel wiesenthal: lombo suíno empanado com molho de cogumelos, chucrute e salada de batatas.

Não provei nenhum, ainda, mas o quarteto de sanduíches me parece outro destaque do enxuto menu (gosto assim, direto e certeiro). Tem o schnitzel sandwich, de lombo suíno empanado, com maionese de cenoura, mix de folhas, picles de cebola, tomate, molho de maçã no pão vienense de malte.  Tem o X-burgo, só pão carne queijo, ketchup e mostarda (para que mais?). Tem o Hamburgo, burguer de angus, maionese russa, queijo, bacon, ketchup, mostarda, picles de pepino, alface, tomate e cebola roxa no pão tipo brioche de abóbora com gergelim preto. E, finalmente, o philly cheese steak, contra filé fatiado, queijo, chimichurri e picles de cebola roxa no pão de ciabatta.

A Tábua Degustação traz as três produções da casa: bratwurst, frankfurter e calabresa, cinco picles também feitos na casa, e três molhos idem, com pão de hotdog fatiado.

Quem seria capaz de resistir? – Foto de Bruno Agostini

Para encerrar tem apfelstrudel, para continuar no clima germânico. Mas quem pode resistir a uma rabanada com doce de leite? Eu que não posso.

SERVIÇO
Wusrteria: Rua Uruguai 397-B, Tijuca. Tel. 98805-0827. Página do Facebook.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *