Sallero: mais uma novo restaurante despojado de chef em ascensão abre as portas na Barra

 

Eggs benedict de salmão, pastel de polvo e Purple Haze: bela happy hour no Sallero – Foto de Bruno Agostini®

 

Bruno Katz era sous-chef do Olympe, braço direito do Thomaz Troisgros.

Foi para o Nosso, onde começou a brilhar em carreira solo, e hoje está entre os grandes cozinheiros da cidade. (Para ler um post, clique aqui).

Com o fechamento do restaurante durante a pandemia, o Rio viu chegar ao mercado alguns talentos saídos de lá e que aos poucos vão chamando a atenção do mercado.

Primeiro eu conheci o Dos Perros, do chef Pedro Carvalho, que antes da casa do Jardim Botânico trabalhou, entre outros lugares, em Paris. (Para ler um post, clique aqui).

Fiquei viciado nos seus tacos, já voltei outras vezes e continuarei fazendo isso, porque sou vizinho, e mesmo que não fosse, está a poucos passos do metrô do Jardim Oceânico, na Barra. Fiz post no site, o link está na bio.

Na semana passada foi a vez de conhecer o Flavio Ribeiro, do Sallero, junto à Praia do Pontal, no Recreio dos Bandeirantes. Em sua casa, em ambiente despojado, com clima agradável e menu bem interessante, comemos e bebemos ouvindo reggae. @sallero.rio

O drinque refrescante – Foto de Bruno Agostini®

Curti muito o lugar. Ali provei o melhor pastel de polvo do Rio, com tempero baiano, e também uma espécie de benedict eggs com salmão curado na casa, com beterraba. Além de dois petiscos, entre eles um delicado tartare de salmão sobre crocante de tapioca.

Bebi um drinque refrescante, o Purple Haze.

Era tudo o que eu queria naquele lindo fim de tarde.

Amanhã farei o mesmo.

Mas, desta vez, com vinhos.

Em breve, depois da segunda visita, eu  conto mais neste site. @menu_agostini

* Este post foi escrito para o Instagram @brunoagostinifoto

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.