Cozinha em Revista: Vai por mim, o novo Mitsubá, no Leblon, está melhor que antes

Barriga de atum – Foto de Bruno Agostini

A inauguração estava prevista para 19 de março. Como se sabe, na semana anterior a pandemia obrigou ao fechamento de tudo.E, assim, só em 8 de julho o novo Mitsubá, que agora agregou o acento ao nome, para não deixar dúvidas em relação à pronúncia correta.

O salão do Mitsubá – Foto de Bruno Agostini
Vi muita gente criticando o restaurante por deixar a sua Tijuca natal e se instalar no Rio Design Leblon. Acho que as pessoas estão enlouquecendo… Restaurante é um negócio, e como tal precisa dar lucro, eventualmente necessita de aporte de capital através de novos sócios e – mesmo sem qualquer razão aparente – o dono abre e/ou fecha o seu estabelecimento quando quiser. Ora bolas…
O menu de pescados agora é projetado na parede – Foto de Bruno Agostini
Eu adorava aquele esquina tijucana, onde vive muitas tardes e noites felizes, ao sabor dos pescados mais frescos, no mais apurado preparo de pratos japoneses, num ritual que se repetiu muitas vezes (para ler um post sobre o antigo Mitsubá, clique aqui).
Bloody Mary: finalizado com polvo e pimenta – Foto de Bruno Agostini
Vou ter saudades? Vou. Só que é preciso dizer que a nova casa está linda, brilhando e tinindo. Para mim, o acesso ficou mais fácil. E a preciosa oferta de pescados, além do Nakahara, continuam por lá. E é isso o que importa.
Mas e que tal um drinque cítrico, coroado com vôngole e ovas? – Foto de Bruno Agostini
Fora isso, o quesito bebidas teve significativa melhora: hoje tem carta de vinhos certeira, com foco em brancos, e também uma seleção de drinques muito, mas muito boa e adequada à casa. Destaque vai para duas criações do barman Rausley Rodrigues, um nome em ascensão, que criou um bloody mary finalizado com polvo e um coquetel fresco e refrescante, que se torna surpreendente com a sua cobertura: vôngoles com ovas! peça ambos.
Parece um pavão: o lindo ussuzukuris de pargo, em boa companhia, o branco Est Est Est, da Falesco – Foto de Bruno Agostini
O menu continua na mesma linha. Abraça a cozinha japonesa amada pelos brasileiros, começando com ussuzukuris (R$ 42), tartares de pescados (R$ 43) etc.
O que mais impressiona mesmo, porém, são as sequências de sushis e sashimis do dia: sempre vistosos, com acabamento impecável.
Se puder, peça os especiais do chef, que de fato fazem jus ao adjetivo (de sushis: 10 peças por R$ 68; 20 a R$ 128; 30 a  R$188 e 40 a R$ 238; já os mistos, com sushis e sashimis variam de R$ 108 – 18 peças – a R$ 338, 72).
Eu sempre peço uns quentes, como o gyosa de porco (5 a R$ 29), shiitake na manteiga (R$ 39), a língua bovina (gyutan, a R$ 34) e a barriga de porco (buta no kakuni, R$ 34). Fique atento à lista de Furai: empanados na panko, com yakimeshi, tonkatsu e salada. Tem mignon (R$ 58), lombo suíno (R$ 46), frango (R$ 46) e peixe (R$ 65).
O lámen de porco é dos melhores, com massa de trigo com caldo de frango e porco, vegetais e fatias de copa lombo (R$ 45). O mesmo vale para os yaki-sobas: camarão (R$ 57) seria a minha pedida, ou filé mignon (R$ 49). Outra estrela que sempre me deixa tentado: o kausu-don de porco. Trata-se de ovos batidos com lombo suíno à milanesa e cebola, cozidos em molho levemente adocicado e servido sobre gohan (R$ 48), puro deleite, puro conforto, pura tentação… Jesus…
Procure saber dos especiais do dia: esses dias teve atum bluefin Foto de Bruno Agostini
Minha dica: converse com o Nakahara, ou a turma de sushiman da casa.
Temaki de atum – Foto de Bruno Agostini
E, ainda, procure pelo Homero Cassiano: eles vão montar uma degustação esperta, de acordo com o melhor do dia as suas preferências e orçamento.
Para fechar, tenho duas sugestões: brûlée de matchá (R$ R$ 29) e sorvete frito (R$ 26), além dos harumakis doces.
 Apenas venha! Eu já fui duas vezes, e ambas foram sensacionais.
O MENU
SERVIÇO
Mitsubá: Rio Design Leblon (subsolo), Avenida Ataulfo de Paiva 270, Leblon. Tel. 2264-1232. restaurantemitsuba.com.br
———————————————————————————————-
E MAIS:
1 comentário
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *