Irajá Gastrô lança novo menu

Admiro muitas coisas no chef Pedro de Artagão. Gosto da criatividade, da irreverência, do conhecimento técnico, da valorização da equipe – para mim, atributos essenciais a um cozinheiro. Mas ele também guarda outros, não tão fundamentais para a profissão, mas que ajudam a movimentar, as suas casas e a cidade: a vontade de empreender e a inquietude.

O chef do Grupo Irajá, hoje com cinco restaurantes no Rio – Foto de Bruno Agostini

– Meu sonho mesmo hoje é abrir um hotel, com conceito, boa gastronomia, ideia que eu tive há quase dez anos, voltando de Paris, onde fiquei no Mamma Shelter. Aliás, nos encontramos no aeroporto naquela viagem, eu vinha da Ásia – lembrou ele, numa conversa recente.

A vontade de empreender está espalhada pela cidade (como também se espalhando com sucesso vão seus pupilos, como Ignácio Peixoto, que está voando no Bagatelle; e o Ícaro Rosa, sucesso total com seu restaurante, Jiló, em Itacaré, na Bahia).

A inquietude faz com suas casas estejam sempre em movimento, e com movimento.  Quem agora está com novidades é o Irajá, o primeiro dos seus cinco restaurantes atuais.

Pedro de Artagão acaba de lançar novo menu no Irajá Gastrô, primeiro dos seus 5 restaurantes, que fazem parte do Grupo Irajá.

Inspirado nos primeiros anos da casa, o chef traz um cardápio quase todo novo, mas seguindo seu estilo e marca registrada: as constantes releituras de pratos clássicos. Assim, nasceu o carpaccio com foie e anchovas (R$ 48), que já provei em versão anterior (mas acho que não foi no Irajá, lembro que foi fatiado congelado, muito fino).

Outra entrada que apetece só pelo nome para “tunófilos” como nós: 3 x Atum (R$ 48).

MEU DEUS!!! Massa no vapor recheada de rabada ao creme de queijos… – Foto de divulgação / Alexander Landau

Ao receber o release, fiquei pensando em quanto deve ser bom o ravióli chinês de rabada com creme de queijos (R$ 78)!!!!

Quer mais? Cavaquinha, abóbora e requeijão parecem ótima combinação, bem como o polvo com purê “Robuchon”, aioli de linguiça, fora o peixe do dia com vatapá e farofa de quiabo (todos a R$ 88).

Filé à piemontese versão 2.0, por Pedro de Artagão – Foto de divulgação

Assim como o carpaccio de foie gras, provei e achei sensacional a antiga versão de seu filé á piemontese. Agora 2.0 (a cada nova releitura de um prato ele coloca o número).

O bolo de brigadeiro é sobremesa tombada, e ganha uma companhia interessante na lista de doçuras: a combinação de pistache com banana e chocolate (R$ 28). Ficou curioso? Eu também. Em breve conferimos.

SERVIÇO
Irajá Gatrô: Rua Conde de Irajá 109, Botafogo. Tel.: 2246-1395. www.irajagastro.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *