Disney Para Maiores: Comida de Verdade na Terra da Fantasia (cerveja, vinho etc também)

Vieiras de Hokkaido no Flying Fish Cafe – Foto de Bruno Agostini

“Depois de um dia inteiro de emoções em um parque temático, o corpo dá sinais de cansaço. E de muita fome. Mas nada de hambúrguer com fritas e refrigerante. Nas minhas últimas visitas a Orlando, preferi investigar os melhores restaurantes da cidade. Para isso, o trabalho começou ainda no Brasil. Porque para garantir lugar em algumas dessas boas mesas é importante reservar com antecedência. Feito isso, quem aprecia boa gastronomia só vai de fast food se quiser. Na cidade não faltam opções, seja nos parques ou fora deles, para, entre uma atração e outra, se comer bem, muito bem. Acredite.”

Tartare de toro do Morimoto Asia, em Disney Springs – Foto de Bruno Agostini

Em 21/6/2010 eu abri assim uma reportagem sobre gastronomia em Orlando, quando quase ninguém sabia que podemos comer muito bem por lá, obrigado. Ainda hoje, na verdade, a maior parte do público ainda acha que só tem porcaria para comer nos parques, e isso não é verdade.

 

Para ler a reportagem, atualizada, clique aqui (o texto, bem grande, tinha ainda mais duas retrancas – como se chama no jargão jornalístico a subdivisão de uma reportagem: numa eu falava de lojas nos outlets,  várias delas paraísos para os gourmets, e também dava um panorama pelos melhores restaurantes de Orlando, fora dos parques, e são muitos).
Aliás, falando em comer comida boa e de verdade na terra da fantasia, no ano seguinte o publicitário Washington Olivetto lançou um livro de viagem chamado ” Só os patetas jantam mal na Disney“. Concordamos com ele, e vínhamos defendendo essa tese antes.

Fish ‘n’ chips dentro do padrão esperado em um bom pub – Foto de Bruno Agostini

Dessa maneira, muitos pais deixam de viajar com os filhos para este destino tão divertido que é Orlando, e os seus parques. As pessoas acabam esperando os filhos crescerem, geralmente na faixa dos 15 anos, e mandam em excursões. Que sem dúvidas também são bem divertidas. Mas aproveitar os parques com os filhos, eu posso dizer com certeza. É muito delicioso, nos brinques, e também na hora da comida.

A moça toda feliz, com seu espaguete ao molho de frutos do mar (Camarão, lagosta, vieiras) ao açafrão – Foto de Bruno Agostini

Já estive com a minha Maria em três ocasiões, e foram sempre experiências divertidíssimas, quando consegui equilibrar diversão e trabalho – na verdade, é sempre assim desde que comecei a escrever sobre viagens e gastronomia: a gente precisa viver uma experiência verdadeira, como a do viajante e do comensal, precisamos nos divertir como eles, para poder depois contar uma história bacana, e que seja útil, saborosa na leitura, e eficiente durante a viagem.

Para pais e filhos: o salão do o balcão do pub irlandês Raglan Road, em Disney Springs, onde encontramos pelo menos uma dezenas de lugares muito bons para se comer e beber, entre mais de 40 bares, restaurantes, cafés, lojas de comida, food trucks e outras casas de alimentos – Foto de Bruno Agostini

Para isso nasceu o perfil @Disney_para_Maiores, no Instagram, e também a página Disney para Maiores, aqui neste site Menu Agostini. Para ser um guia de onde comer, o que pedir, e o que está acontecendo por lá.
Entre os nossos restaurantes preferidos (só clicar nos links para ler), tem resenha do Morimoto, em Disney Springs; do Flying Fish Cafe, em Disney Boardwalk. Entre os bares, tem o maravilhoso Wine Bar George, em Disney Springs; e o pub Finnegan’s, em Universal Studios. Também estamos em andamento com os melhores lugares para comer e beber em Epcot; os melhores bares e restaurantes de Disney Springs; e também mostramos como é o Victoria & Albert’s, o melhor restaurante da Disney (também temos uma lista com os melhores restaurantes de carnes do complexo).

Para ver todos os posta da categoria Disney Para Maiores, clique no link abaixo:
https://menuagostini.com.br/category/disney-para-maiores/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *