De Bar em Bar: Boteco Colarinho, em Botafogo, aposta na dobradinha churrasco e cerveja

O Escondido Burger, que combina brioche, pasta de alho, hambúrguer de fraldinha angus, brisket, BBQ Heinz, american cheese, farofa de bacon e alface americana (R$ 35) – Foto de Bruno Agostini

Inaugurado há quase dez anos, o Boteco Colarinho foi pioneiro naquele polo de bares do Metrô de Botafogo, a calçada boêmia da rua Nelson Mandela. Em duas coisas pelo menos. Foi das primeiras casas a abrir ali, mas o mais importante é o seguinte: foi um dos primeiros bares da cidade a apostar em chopes artesanais, sobretudo brasileiros. E tem sempre uma ótima seleção deles, on tap. Há cerca de dois anos construiu uma churrasqueira à entrada, e tudo melhorou. O nome mudou para Boteco Colarinho Carnes na Brasa CA, e posso atestar: é dos melhores lugares para se comer carnes no Rio (veja aqui o menu do iFood). Vai por mim. Há belo petiscos, e um burger arrebatador, mas só até terça (será?). Isso porque este burger que estão servindo, faz parte do Burger Fest, que termina na próxima semana (explico mais sobre o evento aqui).

Mas voltando ao DNA de Gambrinus do Colarinho.  Cerveja combina com o que? Eu, como muita gente, pensa logo em hambúrguer, como é o meu caso, porque eu gosto mesmo é de beber IPA. Se estiver com uma sour, vou logo pensar em pescados:  ostras cruas, mexilhões à provençal, tempurá de camarão etc. Com uma Helles ou German Pils, vou lembrar de salsichão com salada de batatas, e se for uma Imperial Stout vou evocar doces com chocolate e café. E, é claro, sempre à minha mente  surgem queijos, porque adoro Canastro e Serro, gorgonzola, pecorino, gruyère, holandês e tanto outros tipos, com cerveja.

Assim funciona comigo. A bebida de certo modo sempre influencia a escolha da comida, e vice-versa. Então, o Colarinho também sabe disso, e o lugar serve um burger excelente, homenagem à casa coirmã Escondido, CA, em Copacabana, dos mesmos sócios.

Foi o único que pude provar do Burger Fest, tive um mês de agenda cheia, estômago idem. Escolhi um parar ir, porque já tinha um tempo que não visitava o Colarinho, que adoro desde 2012 quando estive lá pela primeira vez, logo que começou o meu interesse por cervejas. Aprendi muito ali, em tardes e noites com muitos e bons amigos, experts no assunto.

Pedi umas IPAs e APAs, da Old School…

De outro ângulo o hambúrger que um dos destaques do festival que termina na terça da próxima semana – Foto de Bruno Agostini

E falando em hambúrguer… Leia o próximo post neste link, onde vou listar os burgers de mais sucesso no Burger Fest, que termina na próxima terça.  Burgers realmente delicioso.  Eles prestam homenagem ao bar de Copacabana, com o Escondido Burger, que combina brioche, pasta de alho, hambúrguer de fraldinha angus, brisket, BBQ Heinz, american cheese, farofa de bacon e alface americana (R$ 35). Salivei, antes e depois de provar.

E porque a IPA fica boa? Bem, em primeiro lugar, porque eu gosto. Mas também verifico outros pontos. O amargor equilibra a gordura, o malte equaliza o sal, o perfume cítrico tempera o sabor do conjunto. O defumado do sanduíche se dá bem com o ligeiro caramelo do malte – é tudo Maillard… E, assim, a vida nos provou que uma boa IPA é a companhia perfeita e ideal para um belo burger – porque não basta ser gostoso, é preciso ser vistoso, como este do Escondido.

SERVIÇO
Boteco Colarinho Carnes na Brasa CA – Rua Nelson Mandela 100, loja 127, Botafogo. Tel. 2286-5889. Página do Facebook. Instagram: @botecocolarinho

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *